6 de julho de 2016

Técnica Back/Lay e Resenha sobre a Tradosfera


Falo meu caro,

Recebi um novo texto do camarada Andre Sauer.

Desta vez a resenha é sobre essas palhaçadas de MMN no trader esportivo (fuja disso), sobre o que aconteceu com o Michael Silva e também sobre a técnica back/lay que o Andre usa pra ter bons greens.

Nem faça seu café -- porque esse tal
de café tá dando uma azia monstra.

Vamos ao texto.

Resenha sobre a Tradosfera Esportiva
e Técnica Back/Lay por Andre Sauer


Olá a todos, nesse artigo estarei escrevendo sobre a técnica que utilizo e que me fez ser realmente consistente, falo em back/lay ao favorito.

Antes de começar falar sobre o assunto quero fugir um pouco e deixar minha opinião sobre duas coisas que vi essa semana e que me fizeram chegar a uma conclusão.

A primeira é sobre o Michael do grupo Sniper Scalping estar abandonando seu blog que criou recentemente e a segunda é um vídeo que o trader Roberto Tavares gravou falando sobre Marketing Multinível no Trading Esportivo.

Sobre o Michael, tive pouco contato com ele até hoje, me tirou algumas dúvidas sobre under e acompanho alguma coisa do grupo no facebook.

O que percebi que ele comentou é que ele se esgotou de tirar seu tempo para tentar ajudar os outros e mesmo assim ser criticado.

Ele estava tentando montar uma espécie de “TS Vip” para acompanhamento de jogos.

Onde quero chegar com esse assunto?

O cara tira o tempo pra escrever, responde dúvidas da galera, passa seu conhecimento de forma gratuita e quando ele tentar montar um sistema que favoreça ele também as pessoas caem matando em cima do cara?

Ora, o tempo dele é valioso como o seu que se revoltou com isso meu amigo, o cara já ajuda um monte de gente gratuitamente e quando quer cobrar por uma informação tem gente que se sente ofendida?

Informação de valor tem que ser cobrada sim( não necessariamente em todos casos), por que as pessoas gastam horas e horas pra aprender e ai vem  os camaradas e querem tudo de mão beijada.

Não gostou de ele querer cobrar o acompanhamento?

É só NÃO CONTRATAR o acompanhamento, ninguém está te obrigando, paga R$1.000,00 naquele curso que promete R$ 2.000,00 sem riscos por mês que acho que lá você vai “se dar melhor”, algo simples!

Falando sobre o vídeo do Tavares (creio eu que muitos já devem ter visto) sobre MMN no trading esportivo, nunca havia parado pra pensar no que ele falou sobre essas empresas que pegam seu dinheiro e dizem investir no trading, são picaretas ou são honestos?



Não da pra saber, sei que vendem uma ideia de que o trading é algo fácil e já falei em um outro artigo que não é.

A que conclusão cheguei então com esse caso do Michel e o vídeo do Tavares?

Que sim, o brasileiro ainda adora uma oferta de dinheiro fácil e prefere jogar grana na mão de quem promete ganhos mirabolantes (mesmo sem nem conhecer os caras ou a empresa) do que fazer um acompanhamento pago com alguém que é honesto e que da a cara pra bater.

Disse e repito, não posso falar nada sobre a empresa que promete esses ganhos, pois não sei quão verídico é, mas que no mínimo é estranho é, basta lembrar de casos como Tel**fr** que deu no que deu, certo?

Pra finalizar quero deixar uma mensagem:

Pra cada oferta de dinheiro fácil que um TROUXA pergunta “como funciona?” um picareta estará faturando nas costas desse TROUXA que quer ganhar tudo de mão beijada. E nunca, os TROUXAS nunca vão acabar, consequentemente os picaretas também não!

Técnica Back/Lay


Bom, preciso começar falar sobre minha técnica.

Como falei no meu primeiro artigo aqui pro blog encontrei consistência no mercado das PROBABILIDADES fazendo back/lay ao favorito.

Pra ser bem sincero não existe segredo nenhum nessa técnica, o que você precisa é alinhar sua percepção de mercado com o que está acontecendo no jogo, como eu falei no outro artigo, se a odd do super favorito está 1.10 e ele joga bem merece back, caso esteja jogando mal merece um lay.

Eu faço dois tipos de entradas:

  • A entrada pra tentar pegar o gol e fico exposto vários minutos se precisar 
  • E entradas pra pegar ticks.

Vou falar um pouco de cada abaixo.

No caso da entrada pra pegar gols você precisa ter feito uma análise pré-jogo, e sim, eu sei que falei no outro artigo que não faço análise pré-jogo, esse tipo de análise que me refiro e que eu mesmo faço é dar uma olhada no que o time almeja no campeonato, se ele tá entrando em campo buscando algo (título, vaga em copa, fugir de rebaixamento) e só, sem dar bola pra estatística, nesses casos se a odd do favorito for de 1.30, 1.40, 1.50 por exemplo e esse time ficar em cima do adversário ela não subirá praticamente o primeiro tempo todo.

Exemplo:

Espanha x Turquia pela Euro desse ano de 2016.

Espanha tava com uma odd de 1.50 no começo do jogo e começou com muita posse de bola e muitas subidas ao ataque, entrei em back a ela e fiquei meia hora exposto até sair o gol e quando saiu o gol a odd estava em 1.52, ou seja, fiquei quase um tempo exposto e se tivesse saído, sairia com prejuízo de apenas 2 ticks.

“Mas e se você leva um gol contra sua posição Andre?”

A perda é de 30% em média se a zebra faz um gol contra um super favorito no 1T, pois o mercado ainda não acredita na vitória da mesma por ter o 2T todo ainda de jogo.

Pra finalizar essa parte o ganho também gira em torno de 30% quando o super favorito marca no 1T, ou seja, se você faz as entradas e pega o gol do super favorito em 3 ocasiões e o gol da zebra em 1, você no fim das contas ainda tem um lucro de 60% em relação a sua stake no final desses 4 jogos.

Entrada para Pegar Ticks


No caso de entradas pra pegar ticks costumo entrar quando a odd do favorito está próxima a 2 (entre 1.90 e 2.30), pois se uma equipe joga bem melhor que a outra sempre que essa equipe vai ao ataque o mercado desce e quando a outra equipe retoma a bola o mercado sobe e são nessas subidas que eu entro, pois sei que quando a equipe que joga melhor pegar novamente a bola as odds vão descer e já posso fechar com lucro.

Nesse caso a exposição é pequena, Não fico exposto mais que 3~4 minutos e se tiver algum lance de muito perigo posso sair antes (dependendo da minha avaliação).

Finalizando a Resenha

Primeiro tempo basicamente é isso que faço, já no segundo tempo faço apenas back ao time que está ganhando ou lay ao favorito caso esteja empatado.

Nunca faço back a uma equipe no segundo tempo quando o jogo está empatado, pois as odds oscilam demais.

Tudo isso que falei acima sobre essa técnica depende do conjunto (Avaliação do Mercado + O que se passa no jogo), “casando” o que passa no jogo e a oscilação das odds sempre podemos aproveitar as boas oportunidades e sair em green.

Como puderam perceber é uma técnica simples mas que dá resultados no longo prazo, caso tenham alguma dúvida respondo nos comentários. Espero que tenha ajudado.

Um grande abraço, Andre Sauer!

.
.

Só posso falar mais uma vez BAITA RESENHA!

Caso você queira ler mais textos do Andre Sauer, é só clicar nos links abaixo:


Na correria braba aqui, então é só isso por hoje =D !

Abraço,
PJ Pires

P.S.

E pra aqueles que não aguentam mais ficar fazendo pre-analises e precisam de uma força extra para a escolha dos melhores jogos a se operar, eu indico os serviços do meu camarada Fabricio Alves:

==> Pré-Análises Profissionais (CLIQUE AQUI)


.
.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...